Resenha sobre o Filme Os Órfãos (PARTE 2)

Publicidade:

CONTINUAÇÃO: 

Sucede: você começa ver o filme todo(a) fanfarrão(a), ai ele vai lá e apresenta a protagonista, depois os coadjuvante (que nunca parecem muito amigáveis) e, enquanto você começa a desconfiar de tudo, é inserido em um clima de mistério que vai misteriando…misteriando… e misteriando, até você pensar: “Ok, eu vi que tem mistério mas quando que a trama vai começar a se desenrolar ?” No caso, você pensa assim porque é educado porque nós mesmos à essa altura ja estávamos quase saindo do cinema estressados. E finalmente quando começa a acontecer o filme acaba te deixando com a maior cara de “penico cheio”, pronto, bem resumidamente assim é Os Órfãos, mas como temos que falar mais sobre o filme… lá vamos nós:

Pois bem, a protagonista interpretada por Mackenzie Davis, que com esse filme conseguiu a proeza de provar sua versatilidade mesmo dando vida à uma personagem aborrecida. Recentemente em ‘Exterminador do Futuro: destino sombrio’ ela entregou uma composição que esbanjava uma tremenda força, confiança e determinação, mesmo sendo magrinha seu  vigor físico e suas expressões garantiram que ela realmente fosse capaz de proezas sobre humanas, já neste filme (Os Órfãos) é o completo oposto, sua personagem é uma mulherzinha que chega a ser insuportável de tão passiva pois é o tempo todo confrontada, desafiada, provocada, ofendida pelos demais personagens e fica só lá com cara de banana: em uma mão é composição crível e que mostra que a atriz consegue compor tipos bem diferentes entre si com a mesma verdade, porém, é uma composição que encaixaria muito melhor em um drama que explorasse essa difivulpade da personagem em se impor – aliás, nem precisava ser drama, bastava ser um filme com mais autoconsciência e que soubesse o que dizer com multicamadas. Mas para um filme puramente de terror e puramente convencional além de não ter o que dizer essa passividade da personagem cansa e frustra, de uma forma negativa vale dizer…

CONFIRA AS DUAS ÚLTIMAS PARTES NOS PRÓXIMOS ARTIGOS… E A PRIMEIRA PARTE CONFIRA NOS ARTIGOS ANTERIORES. 

Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *