Não Veja: ‘O Velocipastor (2018)’ (PARTE 3)

Publicidade:

[…]Anoitece… o padre maromba voltou para o bosque, só que é outro bosque – na verdade, é o mesmo bosque só que fingimos que não é – aí ele parou para dar uma cagada e fez tanta força que até a bolinha do olho mudou de forma; corta para profissional do vuco-vuco, também no bosque, sendo abordada por um ladrão, mas na hora H, o bandiso é atacado por uma cabeça de dinossauro de borracha que mata o malfeitor tão bem matado que arranca a cabeça de plástico dele; e o dino de borracha se esbalda em um banho de sangue. No dia seguinte, ele acorda nu na cama da prostituta, sem lembrar de nada; mas, então ela conta que na noite passada ele se transformou em um dinossauro e comeu um cara, ele rebate com uma frase de efeito muito profunda: “What?! ( O Quê?!)” ; só que, claro, ele não acredita nesse conto da carochinha e pede uma prova, ela empresta uma roupa, e lá vão eles de volta para o bosque; ela mostra o que sobrou do bandido que ele comeu, ele dá piti, ela tenta convencê-lo a comer mais criminosos – enquanto isso, a câmera fica perdida tentando acompanhar eles no meio dessa conversa tronxa – mas, eis que o padre tampinha maromba só queria voltar para sua vida normal.

E, então o padre vai ouvir uma confissão, porém, ele não esperava que quem estava do outro lado se confessando era o cafetão do telhadinho rarefeito, que admite ser muito perverso e ainda confessa ter matado um casal de velhinhos, explodido, sim, os pais do padre – mano, é uma trama muito conectada, intrincada, você fica louco. E lá vem o hulk dinossauro fazendo força para cagar de novo, mas agora ele transforma só o braço e dá uma coçadinha forte demais no pescoço do cafetão malvado – nessa cena poderemos notar que a reação representa a dor das mazelas sociais da fome dos oprimidos na África… linda interpretação.

Publicidade:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *